terça-feira, 28 de maio de 2013

TDC2013

No último domingo 26/05/2013, tive o prazer de participar do evento TDC 2013 - The Developer's Conference - em Florianópolis.

Sou formado em Sistema de Informação, mas a muito não programo ou almejo; mesmo sabendo ser um evento voltado a área de desenvolvimento, resolvi ariscar. Acabei observando ótimas palestras e interessantíssimos temas e cases de sucesso:

Perceptual Computing: este conceito têm como propósito transformar de um modo mais natural e intuitivo a iteração homem-máquina.
Um case de sucesso apresentado foi esta vending machine da Coca-Cola disponibilizada em um shooping da Korea do Sul.
   

Através de uma parceria com a Microsoft, ela distribui refrigerante como prêmio aos corajosos participantes do desafio de dança. Esta aplicação foi desenvolvida com o sensor de movimento o Kinect, e é sem dúvida muito divertida.

Este conceito também explorado pela Smyowl, apresentado pelo  Maurício Tadeu Alegretti no estande da Intel. Através de uma câmera modelo Creative VF0780-SDK-CE  semelhante a do Kinect, foi produzido um pequeno jogo.  O diferencial aqui é distância do objeto, que ficou bem próxima ao dispositivo e mesmo assim reconhece os movimentos com naturalidade.



Participei da trilha de Cloud Computing, grande parte dos conceitos são complexos, mas vários provedores destes serviços já traduzem isto de forma simplificada.

Microsoft Cloud - Azure: O Luís Deschamps Rudge, demostrou de forma simplificada o desenvolvimento de uma aplicação através da nuvem da Microsoft, o Windows Azure.
Após escrever um pouco de código na plataforma, o Luís compilou e em seguida colocou em ambiente produtivo, pronto! software feito na nuvem e estando disponível para ser utilizado no em questão de minutos.


Um diferencial interessante apresentado foi a maneira como é possível realizarmos rollback(voltar a uma versão anterior) em uma aplicação em funcionamento caso haja necessidade. Em questão de dois minutos foi retirado um serviço do ar e posto uma versão anterior.

Entrega contínua de software: é um conceito defendido pelo Luís Rudge e também pelo Bruno Souza, um modo de entrega de software que tende a simplificar o processo de "aprovação/entrega" para disponibilização de um software.
Na prática isto quer dizer código atualizado em menor tempo, softwares melhorados aliado a agidade de entrega. De modo que após acerto de bug ou adição de funcionalidade e
realização dos testes(preferencialemnte automatizados)o produto é destinado diretamente ao cliente, sem a dependencia de uma aprovação da chefia/gerencia etc. 

Este item me chamou atenção, o modo como é possível adicionarmos scripts de testes personalizados, para testar a aplicação antes de disponibilizar aquele serviço. Pode-se programar por exemplo para que toda vez antes de subir uma aplicação(colocar em ambiente produtivo) realizar teste X, em seguida caso passe vá para o teste Y e assim por diante... tudo isso de de forma automatica, você só precisa se preocupar caso retorne algum problema, do contrário após os testes a aplicação será disponibilizada.

AWS Amazon Web Services: os serviços de cloud da Amazon são realmente impressionantes, o José Papo evangelista técnico, apresentou os conceitos básicos dessa poderosa plataforma.
Foi demostrado a criação de máquinas virtuais, o modo como é possível fazer a alocação destes recursos. Exemplo: demanda pontual, evento do dia das mães: devido a diversas promoções de determinado site de venda de produtos, é alocado mais recursos computacionais para atender a esta demanda adicional pontual(antecipando assim um possível problema).Você disponibiliza os recursos necessários com antecedencia e praticidade.

Papo também exemplificou o processo para  disponibilização de máquina em diversos servidores espalhados pelo globo, tendo como ganho uma diminnuição no tempo de resposta para determinada região, algo extremamente positivo quando se trabalha com públicos específicos de determinadas regiões.

Foi demonstrado a simplicidade para realizar a programação para disponibilização de equipamentos baseado nos recursos utilizados. Ex: servidor X chegou a 80% de processamento, então adicionar novo equipamento para suprir a demanda, e o contrário também, quando equipamento estiver em desuso derrubar máquina, desse modo economizando processamento e consequentemente dinheiro(pago pela máquina).

O César Izurieta Hidalgo   mostrou como a nuvem está sendo utilizada para um portal imobiliário, de modo a garantir a segurança e principalmente disponibilidade do sistema. Alguns slides interessantes sobre o comportamento do sistema quando ativado um novo equipamento automaticamente, pudemos verificar a diminuição do trabalhos dos outros servers, clarament balanceamento de carga entre os equipamentos.
Posso dizer que um dos cases que mais chamou atenção foi apresetando pelo Romulo Igor Conceição
O Igor deu uma idéia do que é o SAP HANA, uma forma de analizar grandes quantidades de dados  de forma quase instantânea, essse sistema se compõe da integração de software e hardware para agilizar o processo de análise, estes recursos são muito caros, de modo que apenas grandes corporações possuem acesso a tal tecnologia.


O Romulo exemplificou como é importante que algumas aplicações rodem em tempo real(real time), como exemplo foi citado a análise do carros da McLaren

 

Enquanto o carro de corrida está na pista, os engenheiros acompanham o funcionamento do veículo através do software. Várias informações são mostradas, veja abaixo um dashbord com estes dados:


Agora temos o SAP HANA One  um serviço que pode ser contratado através da AWS, e os valores são acessíveis a grande maioria das empresas. É através deste produto que foi produzido o case de uma empresa de móveis do sul do Brasil. Com acesso ao desenvolvimento, cálculo automatico do valor do móvel e cotação com as fábricas de forma ágil e quase em tempo real, este sim é um belo exemplo de sucesso.

Vemos o móvel tomando forma na aplicação, e seu valor sendo ajustado para as especificações definidas, ao mesmo tempo, o sistema calcula com mais de 100 fábricas o custo de produção do produto. Os ganhos para empresa são imensos, ter como benefício a agilidade para o cálculo do valor do produto e a cotação para produção em questão de segundos, é sem dúvida uma enorme vantagem competitiva.

Outro exemplo citado pelo foi Romulo é a utilização do AWS no gerenciamento de uma frota de veículos, caso fosse utilizado o SAP HANA para análise desta informações poderia-se
prever por exemplo,  quando um dos seus funcionários possue algum problema seja de saúde, emocial, etc e esteja demonstrando isto na direção do veículo. Por exemplo determinado motorista nao possui como hábito atingir velocidade acima do permitido e em determinado dia o mesmo já fez isso  X vezes... se a análise fosse realizada desta forma poderia-se evitar um acidente por exemplo.

Muitas palestras no evento, não tendo como participar de todos, mas deu pra dar uma olhadinha rápida em vários estandes:
Na Microsoft percebi como a empresa estimula os profissionais de suas tecnologias para que participem da comunidade técnica, foi apresentado com foco o programa MVP - Most Valuable Professional que consagra os participantes das comunidades técnicas da empresa.


A Intel apresentou um projeto muito bacana, um produto brasileiro que acabou virando a TIX11. Apresentado pelo José Damico, este software é voltado a segurança, o estande estava oferencendo um prêmio de 1000 reais, a quem conseguisse através de software capturar a tela do computador. O José demonstrou que através de printscreen, software de captura de video, keylogger, ou softwares de acesso remoto, não é possível capturar a tela do usuário. No local onde roda a aplicação aparece uma tela preta, esse software baseia-se na tecnologia Protected Transaction Display presente nos processadores Intel.



Não consegui acompanhar as palestras, mas tinha uma galera se divertindo com Arduino - inclusive vendas no local - e RaspberryPi, duas plataformas para automação. Ví um robô lutando para atravessar um caminho feito com garrafas de coca-cola, bem emocionante o intusiasmo desse pessoal.

Tenho que deixar obrigatoriamente meus parabens ao Bruno Souza mais conhecido como "JavaMan",o cara é um show de conhecimento, possui muita experiência, e sabe transmitir este conteúdo de uma forma simplificada.


Então.. é isso valeu!!  Um abraco aos amigos ELMarchi,  Devegili que estiveram comigo no evento, e agredeco ao Parisi  pela boa dica.  TDC2013 trouxe muiiiito conteúdo para estudar : -}

A reação de Hitler com a revelação do Xbox One


X Fire

GAMER

Raptr Gamercard